Saudades de ti

1655
Fotografia © Andrew E Weber | Design © Laura Almeida Azevedo
Fotografia © Andrew E Weber | Design © Laura Almeida Azevedo

Tenho saudades tuas.

Tenho saudades do teu cheiro, da tua pele, do teu olhar doce.

Tenho saudades da tua generosidade, da tua bondade.

Tenho saudades da tua exigência, mas também da tua meiguice.

Tenho saudades do teu colo.

Tenho saudades do teu abraço.

Lembro-me das vezes que me ensinavas as contas de dividir, que eu detestava, e da tua paciência.

Eras uma sofredora, mas também uma lutadora.

Não te consegui dizer tudo o que queria.

Não consegui partilhar contigo tudo o que queria, nem que me ensinasses tudo o que tinhas para me ensinar.

Partiste demasiado cedo. Transformaste-te na minha estrela protetora no firmamento.

Tenho saudades tuas.

Ainda preciso do teu colo.

Abraça-me, mãe.

Comments

comments

PARTILHAR
Artigo anteriorEstou deitada a pensar em ti
Próximo artigoO perfume do seu cheiro
CARLOS DINIZ, o idealista
É informático, mas as letras também o assistem. Adora ler. Lá porque esta é a sua primeira experiência na escrita, não se deixa intimidar. Os desafios são para isso mesmo. Amante do que é natural, aprecia as coisas boas da vida. Acredita que «os sonhos comandam a vida» — e, aqui entre nós, comandam mesmo.