Os textos mais recentes  

Escrevo para ti

A tua teimosia irrita. No entanto, é essa mesma teimosia que ainda me faz vibrar sempre que observo profundamente os teus olhos cor de mel.

Amanheceres

Há amanheceres que cantam uma canção de embalar, despertando a vontade de silenciar o que tanto se agita. As notas musicais repetem-se e uma carícia percorre o corpo [...]

Estou aqui. Vens?

Hoje, sonhei contigo e acordei com uma vontade incontrolada de te ter. De te abraçar. De tomar o café da manhã contigo.

Só conhece o amor quem aprende a voar sem asas

Pobres daqueles que dizem que o amor os deixou. O amor não abandona ninguém. Ele prende os corações que se entendem e liberta os corpos que não se encaixam.

O Surfista – Parte 2

Os mesmos raios de Sol que vestiam a onda despiam o coração de Vasco de todas as camadas que o protegiam.

O tempo não o traz de volta

Questiono-me quando é a última vez que estou com cada pessoa. Porque cada vez mais a vida me demonstra o quanto é efémera, inesperada e fugaz...

  Textos vencedores dos desafios de escrita lançados por cá!  

O meu primeiro amor

O meu primeiro amor foi um amor que nada me prometeu. Mas também aquele que nada me negou. Tudo quanto lhe pedi ele fez. Nunca me falhou.

 Lê os últimos textos na tua categoria preferida! 

  [Quase] Poesia  

Gostamos de escrever sobre o amor — sobre o que ele faz sentir. E fazêmo-lo de forma quase poética.

  Inspira-te aqui!  

Acreditamos na força das palavras. E queremos inspirar-te a ser uma pessoa [ainda] melhor e [ainda] mais feliz!

  Contos  

Adoramos criar histórias de amor, envolventes e comoventes, que te façam sorrir, chorar e suspirar por mais!

  Crónicas + Opiniões  

Aqui, partilhamos quem somos, o que sentimos, as nossas opiniões e as nossas causas — sem fição!

Às vezes, também nos aventuramos a ser repórteres, jornalistas
e a querer trazer um pouco de humor aos teus dias!

(Quase) Reportagens

Marrocos: um país de contrastes

Dia das despedidas. Dia da partida. Dia de assentar as ideias. Dia de reflectir sobre tudo o que se viveu durante a última semana. Uma semana intensa, cheia de novidades para os sentidos — em Marrocos.

Entrevistas

O avô ainda gosta da avó?

Eva, 78 anos, originária de uma família com dez irmãos. António, 82 anos, tinha quatro irmãs e um irmão. Estes são os meus avós paternos, que vamos em seguida conhecer um pouco melhor.

Humor

A engenharia do amor

Começa como? Não sabemos se é uma pancada na cabeça, ou uma seta no traseiro. Ou se foi um sorriso de menino desenhado a sonhos, ou um olhar profundo de homem marcado pelas vivências.